Bar Mitsvá  
     
  A comemoração
índice
     
  Qual o significado e por que se comemora o Bar-Mitsvá?  
     
 

RESPOSTA:

Consta no Pirkê Avot (Ética dos Pais) que, ao completar treze anos, o menino passa a assumir o cumprimento das mitsvot, preceitos, da Torá, tal como um adulto, e isto é chamado de Bar-Mitsvá, ou seja, que a partir desta data ele fica "apto ao cumprimento das mitsvot".

Nossos sábios explicam que, pela natureza, ao chegar a esta idade, a criança torna-se intelectualmente madura para assumir esta responsabilidade. Esta maturidade intelectual é também espelhada em seu físico, ingressando na adolescência.

O sagrado livro Zôhar explica que no dia de seu 13 aniversário (no caso de uma menina, no 12) uma alma Divina e pura adentra o corpo do menino e, por este motivo, ele passa a ser responsável pelo cumprimento das mitsvot. É também por esta razão que neste dia é feita uma comemoração com muita alegria além de uma refeição especial da qual, participar dela, é uma mitsvá. Neste momento, o jovem Bar-Mitsvá costuma recitar um discurso baseado na Torá.

A festa deverá contar com uma programação e detalhes cuidadosos para estar em harmonia com os preceitos da Torá e ao assunto de Bar-Mitsvá.

Há uma obrigação ao jovem Bar-Mitsvá de ser chamado à Torá e recitar as devidas bênçãos na primeira oportunidade. Neste momento, o pai recita uma bênção especial após o filho ser chamado à Torá, no qual agradece a D'us por isentá-lo da responsabilidade pelos atos do filho, transferindo esta responsabilidade ao próprio filho.

A partir do Bar-Mitsvá o jovem deve colocar tefilin diariamente (exceto em Shabat, Yom Tov e Dias Intermediários de Pêssach e Sucot) e cumprir todas as leis do judaísmo, carregando com dignidade o título de Bar-Mitsvá.

É costume também que no dia do Bar-Mitsvá o jovem e seus pais doem para caridade uma quantia a mais do que o normal para que este ato traga uma bênção especial sobre ele.

 
     
    top